<$BlogRSDURL$>

making of de um documentário na zs de sp

6/22/2004

Ficou do jeito que a gente queria 

Sujo, com alguns defeitos... Mas muito bacana!

Um salve para todas as pessoas que colaboraram de alguma maneira. A lista é imensa: Gaspar, Dexter, Paulão, Ana Paula, Pablo, Neno, Nego Chic, Leed, DJ Lah, Cachorrão, mãe do Cobra, Paulão, Ruth... etc etc.

Ta todo mundo lá. Como tem que ser.

Universo Paralelo na TV 

É só consultar a programação da TV Senac na internet. Eles reprisam diariamente.
Ou aguardar o lançamento no Capão.

Ao Leed... 

Seja bem-vindo.
Esse blog é de todos nós!
Pode escrever, reclamar, mudar posts!

Alguma coisa ta muito errada... 

Segundo uma pessoa da JW Thompson (ok, me rendo, ta aí a fonte), em 2004 a faculdade mais disputada não foi a de medicina nem a de publicidade (o que já era bastante suspeito), mas a de polícia.

Sim, existe, uma faculdade de polícia. E tem muita gente querendo ser policial!

6/21/2004

Pré estréia em grande estilo 

Um salve para o Cobra, Ana Paula, Cachorrão, Eça, Marilena, Nando, Sérgio, Gi, Silvia W, Jayme S, Rafael, Mauricio.

6/18/2004

No sapatinho 

O ataque ficou para quando realmente importa.

6/17/2004

Contagem regressiva 

Universo Paralelo amanhã na TV.

Quem quiser ver e não tiver TV a cabo, o lançamento oficial não é amanhã. Vai ser no Capão.

6/15/2004

Universos Paralelos 

No gueto, as histórias doem na alma...
Na zona central, nem todo mundo entende... são mil perguntas.

E a gente... só quer a paz!

Prévia do Universo Paralelo... 

... o gueto aprovou!

Para entender melhor... 

Quando o Cobra fala Neguinho é o DJ Lah.
O primeiro pai do Cobra, no filme, é o que foi embora. O segundo, que trabalhava na obra, é o que ele adotou (pai do Cachorrão).
O Dexter deu grande parte das entrevistas fora do Carandiru, mas até hoje ele ta preso, mesmo que fora do crime.
O que tem uma grande diferença. Não é nada fácil. É preciso ser Homem de aço.

A favela é a tela... 

e a miséria é a cena.

Salve o Hip Hop... qure está transformando essa história.

A gente só quer a paz! 

E conquistar a paz tem muito pouco a ver com vestir uma camiseta branca e ir até Ipanema.

6/14/2004

Dor de mãe 

Dona Rosana perdeu dois filhos e um cunhado; os três assassinados.
Mais do que dor, ela tem medo... de novos ataques de pés de pato, que a polícia apareça para faze-la pagar pelo que não fez ou que o Cidade Alerta transforme sua vida num inferno público.

É o tal do Universo Paralelo, onde a dor se transforma em tragédia.

6/10/2004

"Universo Paralelo" na TV 

Dia 18 de junho, sexta-feira, às 10 da noite, na TV Senac.

A estréia que realmente vale, no Capão, ainda não tem data marcada.

6/08/2004

O Aurélio... 

... tem rendido polêmica. Clique aqui.

Clip novo na área 

Mauricio Eça, meu irmão e sócio no documentário, junto com o Cobra, acabou de fazer um clip do Marcelo D2.

Salve Ri!
O clip é D+.

Revolver 

Voltando ao post que deu início a tudo. Depois do assalto no ônibus, já vi dezenas de revólveres. E estou, aqui, inteira.

Só que, hoje, o meu pedido é diferente: o bom seria se os Universos que insistem em ser paralelos, se entendam.
Os dois têm muito a aprender e a ganhar com isso!

A grande vantagem do jeito Caras de viver... 

... é que caiu a ficha.

O mapa da exclusão é muito maior do que se supunha.

Outro dia na TV... 

... o Lulu Santos disse que preferia comprar roupas numa loja que vende todas as marcas importadas ao invés de fazer compras no exterior. Num momento de dúvida sobre que cor preferia, comprou a coleção completa de um modelo de tênis.

E ainda da para duvidar que o Deus daqui não é o mesmo que o Deus de lá?

1998/2004 

O Jefinho morreu.

Contrariando as estatísticas...

O Cobra casou, teve um filho, o Pablo, e está terminando o terceiro CD do CDM.

A Cidinha casou e teve outro filho. Hoje, ela faz cesta de café da manhã.

O Leed terminou o colégio e agora está atrás de uma bolsa de estudos para fazer faculdade.

O FF teve outro filho e faz produção de festas no Capão.

Um salve pro Cobra, pro Sebá, pro Paulão e pro Leed 

Da próxima vez, clica no comment e manda bala; porque do lado de cá ta difícil de acontecer.

Sumariado 

Claro que nós saímos filmando sem pensar em pedir autorização escrita.
Até porque, é claro, também, que quem deu depoimento já deu a palavra. E palavra é palavra...

Só é uma pena que tudo isso só seja claro para quem vive no universo de lá.

Mas firmeza, estamos nos finalmentes.

De manhã, todo mundo sai de casa para buscar... 

Como cada um faz, não é da conta de ninguém.

Cada um, cada um...

6/07/2004

Meninas e meninos 

Quando nasceu o filho do Cobra, ele ficou feliz por ser um menino. O segundo filho do Cachorrão também é um menino.

A grande referência era o DJ Lah, pai de três garotinhas lindas, com os cabelos trançados.

Nada contra as mulheres. Pelo contrário. Só estava precisando de uns meninos para contrabalançar...

Agora, empatou. O DJ Lah também teve um menino.
Um salve para o Malcom.
Seja bem-vindo.

D 

"Com tanto desemprego, a única alternativa é ir buscar onde tem"

DJ Lah 

"A violência é a mesma de quando eu era criança. A única diferença é que ela atravessou a ponte".

Tiro certeiro 

“Depois que eu tomei o tiro, fiquei ali sentado. Aí chegou uma barca maior e me socorreram pro hospital... Demorou umas duas horas pra chegar no hospital. O pau comeu.”

Médico na periferia, o pai do G confirma... É tiro e queda: quase sempre que alguém chega no hospital trazido pela polícia tomou um tiro nas costas ou já ta morto.

Leed ficou paraplégico.

Ética 

Vale a pena dar um pulo na favela.

Um dado incrível... 

... digno de um post.

Segundo a Prefeitura, no Capão Redondo existem 5 moradores de rua.

Simples assim.

L 

O momento era de tensão.
Ignorando a arma apontada para a cabeça, a mulher pede um cigarro.
Os filhos, sentados atrás, assistiram a cena, impassíveis.

"Não dá para julgar. A reação das pessoas é sempre imprevisível".

Contrariando as estatísticas... 

... o Sebá arrumou um emprego.

Uma pessoa tem 46 vezes mais chances de morrer assassinada no Capão Redondo... 

... do que na área central de São Paulo.

6/02/2004

Quando são assassinadas mais de 3 pessoas... 

No Capão é chacina.
Na zona central é coisa de psicopata.

Capão 

Já foi cesto de indio, terreiro, lugar de despacho.

Agora é realidade, nua e crua.

This page is powered by Blogger. Isn't yours? Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com